Publicidade

Esporte

Nino elogia Juazeirense, mas avisa que vencer é obrigação

Por  | 

Após o revés diante do Náutico, em Recife, pela Copa do Nordeste, o Bahia volta sua atenção para o Campeonato Baiano. Classificado em segundo lugar na primeira fase, o Tricolor enfrentará a Juazeirense pela fase de semifinais. Diante da dificuldade do duelo, o lateral-direito Nino Paraíba tratou de reconhecer a força do adversário, mas ressaltou da obrigação do Bahia em se impor e chegar à final.

“Nós sabemos [da dificuldade], a gente já jogou lá. É um campo muito difícil, mas aqui é Bahia. Temos que chegar lá e mostrar nosso futebol”, disse Nino, lembrando do primeiro encontro entre as equipes, vencido, no apagar das luzes, pelo Bahia.

Na ocasião, o Tricolor jogou mal e o triunfo saiu em jogadas de bola parada – uma, um lateral cobrado por Léo.

Acumulando boas atuações, Nino tem se destacado no time. Ele, que disputa a posição com o jovem João Pedro, avaliou seu rendimento. “Estou chegando em uma crescente, na minha parte física estou muito bem”.

Se o Bahia vem de semana cheia, com compromissos entre Baiano e Nordestão, a Juazeirense vem descansada, já que não atua desde a última rodada do estadual.

Para Nino, essa não é uma desvantagem para o Tricolor. “É bom ter a semana cheia, porque o Guto trabalha o que precisa para o jogo”, opinou.

Pelo treino desta segunda-feira, 12, no Fazendão, o volante Gregore, recuperado de dores na panturrilha e o lateral Mena, curado de uma lesão na coxa, estão na chamada transição física. Já o meia Allione, que sofreu um trauma no joelho contra o Náutico, e o atacante Élber, que saiu dores no adutor da coxa, foram fazer exames de imagem e são dúvidas.

Ainda nesta segunda, a FBF divulgou as datas das semifinais do Baianão. O jogo de ida contra a Juazeirense acontece no sábado, às 18h30, no Adauto Moraes. A partida de volta será no dia 25 (domingo), às 16h, na Fonte Nova.Por ter melhor campanha, o Bahia tem a vantagem na disputa.

 

Por: A Tarde

Gostou? Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.