Publicidade

Esporte

Bahia segura empate com Botafogo nos acréscimos

Por  | 

Mesmo jogando com um a menos desde o fim do primeiro tempo — Aguirre foi expulso depois de cometer pênalti em Lucas Fonseca —, o Alvinegro esteve a frente do placar por três vezes e a sensação ao fim da partida foi de decepção.

— Fomos inteligentes, jogamos com um a menos, conseguimos dois gols no contra-ataque, mas estivamos a frente do placar na maioria do jogo, então a sensação é de derrota — disse o lateral-esquerdo Moisés.

Em tarde inspirada, o atacante Kieza deixou sua marca duas vezes ontem e agora é o artilheiro do time no ano junto com Brenner, com oito gols. Valencia fez o terceiro em bela cobrança de falta no segundo tempo. Régis, Vinícius e Allione marcaram para o Bahia.

O lance capital do jogo aconteceu no fim do primeiro tempo, quando o Botafogo vencia por 1 a 0. O juiz Leandro Bizzio Marinho viu Aguirre agarrando Lucas Fonseca dentro da área e assinalou pênalti. Em uma decisão polêmica, o juiz ainda expulsou o uruguaio, ao aplicar o segundo cartão amarelo. Régis foi para cobrança e empatou.

Mesmo com um a menos, o Botafogo fez 2 a 1 logo no início do segundo tempo com Kieza. A partir daí, o Bahia passou a ter mais volume de jogo, mas não criava oportunidades. Confortável se defendendo, o Botafogo tentava aproveitar os contra-ataques. O empate baiano só foi possível graças a uma falha do volante Marcelo, que perdeu bola na defesa e viu Vinícius marcar.

Valencia voltou a botar o Botafogo na frente aos 38 do segundo tempo, mas o empate veio no último minuto, quando o baixinho Allione ganhou de Marcinho no alto e, de cabeça, determinou o placar final.

Por: Agência O Globo

Gostou? Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.